FELIPE MASSARO

crp 01/20966

Psicanálise e Psicoterapia


As situações e os movitos que levam alguém a buscar um terapeuta são sempre distintos. Quem procura uma análise, no entanto, sente que há algo pulsando em sua vida, alguma coisa da qual é preciso falar.

O psicanalista está fora: é a quem será possível dizer coisas que jamais seriam ditas para qualquer outra pessoa. Ele ocupa, na verdade, um lugar bastante singular. Não figura ao lado do conselheiro, do padre, do amigo ou do médico, mas na posição de quem escuta o que o sujeito do inconsciente tem a dizer, permitindo ao paciente escutar, desde um outro lugar de si mesmo, também o que diz – a sua própria história.

Afinal, em uma análise, trata-se de o analisante escutar-se também desde o seu exterior íntimo, desde a sua própria exterioridade. Desde onde é possível reinventar uma maneira de viver o seu desejo e o seu sofrimento, dentro dos limites que são dados, pelo corpo e pelo tempo, a todos nós.

Joan Miró - The Hope of a Condemned Man II 1974


E-mail contato at fmassaro.psc.br (by ProtonMail)

Telefone (61) 9 8363 - 1591

SHN Quadra 1, Bloco F, Sala 1008, Asa Norte, Brasília

Felipe Massaro

Sobre o Analista

Psicólogo formado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), pós-graduado em Psicopatologia Clínica pela Universidade de Barcelona (UB). Tem formação em psicanálise de orientação lacaniana e é mestre em Letras e Linguística pela PUC do Rio Grande do Sul (PUCRS).

Além do trabalho em consultório particular, foi consultor técnico do Escritório Regional para as Américas da Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS), onde atuou junto à Unidade de Família, Gênero e Curso de Vida. Oferece também atendimento on-line para brasileiros residentes no exterior.

A introdução de uma ordem de determinações na existência humana, no domínio do sentido, se chama razão. A descoberta de Freud é a redescoberta, em um terreno não cultivado, da razão.

– Jacques Lacan